Pesquisar

terça-feira, 27 de janeiro de 2009

A profecia que se cumpriu



Após autorizada a construção de igreja em Afeganistão o Edifício foi demolido pelas autoridades do país

O Presidente dos EUA D. D. Eisenhower, em 1959, solicitou ao Rei Zahir Shah permissão para a construção de uma igreja cristã no Afeganistão, uma vez que uma Mesquita havia sido construída na capital americana para que os diplomatas muçulmanos pudessem adorar seu deus. Igualmente, argumentou que seus colegas cristãos também precisavam de um local em Kabul.



A autorização foi diplomaticamente dada e cristãos de todo mundo contribuíram para a construção do prédio. Depois de terminada, foi dada uma ordem a tropas do governo de Kabul para destruir a igreja. Quando começaram a bater nas paredes, os cristãos, ao contrário de resistir, ofereciam biscoitos e chás aos agressores. Vendo aquilo, um cristão alemão foi até o responsável pela ordem daquela destruição e profetizou: "Se o seu Governo tocar na Casa de Deus, Deus irá colocar por terra o seu governo". O responsável encaminhou uma carta obrigando que os cristãos entregassem a igreja ao Governo. Os cristãos simplesmente responderam que não podiam porque aquele prédio não pertencia a eles, mas ao Senhor e se eles o tocassem, teriam que se responsabilizarem diante de Deus.

Trabalhadores islâmicos, radicais, polícia se dirigiram para o local e destruíram a igreja. Irmãos de todo mundo oraram e escreveram cartas às Embaixadas Afegãs em todo mundo. Billy Graham e outros líderes cristãos escreveram uma carta de consideração e encaminharam ao Rei.

No ano de 1973 a destruição da igreja tinha terminado. Naquela mesma noite, o Governo Afegão responsável pela destruição foi destituído por uma rebelião. Aquele Governo estava no poder a 227 anos, mas naquela noite foi destronado. Zahir shah foi o último rei afegão.

Fonte: Revista MCMPovos, ano1, 2ª ed, 01/09