Pesquisar

domingo, 19 de abril de 2009

Você conhece a Bíblia? - Esdras



Esdras é o 15º livro da Bíblia, o 10º Livro Histórico e o primeiro dos seis livros pós-exílicos (os outros são Neemias, Ester, Ageu, Zacarias e Malaquias).

Possui 10 capítulos e 280 versículos. Todo o material profético em Esdras é típico, com as instituições de Israel (templo, ofertas, sacerdotes, festas, etc) prenunciando a obra de Cristo. Há dez desses tipos em 63 versículos, ou 23% da obra.

Os livros de Esdras e Neemias eram originalmente um só volume. A Vulgata latina foi a primeira a separá-los, denominando-os, de 1 e 2 Esdras. Como acontece em Daniel, partes de Esdras foram escritas em aramaico.


Autor

O sacerdote-escriba Esdras é reconhecido como o autor do livro que leva o seu nome.
Parte do livro foi escrita em aramaico e parte em hebraico.

Data

Entre 538 a 457 a.C, cobrindo o espaço entre Zorobabel e Esdras.

Algo de Esdras

Os eventos do livro cobrem pouco mais de 80 anos e cobre dois períodos distintos. Os 6 primeiros capítulos cobrem 23 anos, e mostra o primeiro grupo de exilados voltando sob Zorobabel. Os capítulos 7-10, 60 anos depois mostra outro grupo voltando sob Esdras.
Esdras registra como, principalmente por meio do sacerdote e escriba a Palavra de Deus, pela primeira vez, conquistou sua posição devida em Israel.

Descendente de Hilquias, teve um papel importante no restabelecimento da verdadeira adoração a Deus em Israel e registrou a reconstrução do Templo sob a liderança de Zorobabel sessenta anos antes.

Esdras foi um grande pregador e reformador. Esse reavivamento começou com oração, confissão e arrependimento, com os judeus restabelecendo sua identidade e se separando de seus cônjuges não-judeus. Esdras organizou o movimento das sinagogas e foi o fundador da ordem dos ecribas, que copiavam os livros do AT e os explicavam.

Não se sabe ao certo qual dos dois foi escrito primeiro: Esdras ou Neemias.

Deus prova  a Sua fidelidade, trazendo o povo rebelde do cativeiro, cumprindo a profecia de 70 anos de Jeremias 25.12.

Quando o desânimo entrou no povo, Ele levantou Ageu e Zacarias para encorajar o povo a completar a obra. (Ed 5. 1-2)

Quando o povo se desviou da Verdade, Ele levantou um sacerdote dedicado para levar o povo de volta à Verdade, chamando-os para a  confissão do pecado e ao arrependimento dos maus caminhos. (caps. 9-10)

Deus é fiel, mas o povo é infiel. 

Deus está cumprindo Suas promessas, mas nós constantente desanimos e perdemos aquilo que nos faz diferentes.

Como Esdras preparou o seu coração para buscar a Lei do SENHOR, e para a cumprir, nos traz à mente a descrição de Cristo que obedece ao Pai (Jo 5.19).

Como sacerdote, Esdras prefigura o Sumo Sacerdote Jesus Cristo (Hb 4.14).

Como reformador espiritual que chama Israel ao arrependimento, Esdras tipifica o papel messiânico de Jesus que transforma as perspectivas espirituais de Israel.
O Espírito Santo despertou Ciro para cumprir a promessa do Senhor. E por Ele. Ageu e Zacarias profetizaram, e encheu e capacitou Esdras para a obra.

Fontes:
- Bíblia de Estudo Profética;
- Bíblia de Estudo Plenitude;
- Bíblia de Estudo Almeida.