Pesquisar

segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Vergonha!

Todos devem saber do mais recente escândalo em Brasília, o “Mensalão de Brasília”.

E pra piorar ainda mais a situação (se é que pode piorar): deputados evangélicos oram agradecendo pela propina!

Fiquei enojado quando vi o vídeo no Jornal Hoje, antes de sair pra oração do meio-dia. Enojado não, fiquei com ódio.

Nele, o deputado Rubens César Brunelli (PSC-DF, de camisa roxa) puxa uma oração com o presidente da Câmara Legislativa, Leonardo Prudente (DEM, de camisa branca), e o ex-policial Durval Barbosa. A oração é para agradecer a propina acertada.

---------------------------------------------------
“Pai, eu quero te agradecer por estarmos aqui. Sabemos que nós somos falhos, somos imperfeitos”
----------------------------------------------------


Servos de Mamom! O deus que eles servem é este, não o Verdadeiro Deus, Senhor do Universo.
Ninguém venha me dizer que estou julgando servos de Deus. Evangélicos que se envolvem na política e mostram suas verdadeiras faces egoístas não são servos de Jesus Cristo, são servos de Mamon. E não são os primeiros políticos evangélicos a se corromperem!

Jesus disse (através de Paulo) que o amor ao dinheiro é a raiz de todos os males (I Tm 5.10). Fala ainda que isso é idolatria.

Agora esses trastes envergonham o nome de Jesus Cristo! O Seu Santo Nome é envergonhado por causa de pessoas mentirosas, falsas, cheias de cobiça e ganância. Tais crentes tem aparência de piedade, mas seus corações estão cheios do amor ao dinheiro.

Parem de envergonhar o Nome de Jesus!

Aproveitando, não sou contra um evangélico ser político. Que seja, mas sem envergonhar o Salvador. Mas sou contra pastores políticos. Como é que alguém pode liderar uma Igreja e assumir compromissos políticos? Como poderá conciliar o seu dever de pastorear as ovelhas com o de servir na política?

Veja o vídeo e a matéria no G1. Recomendo o texto do Genizah.

César Aquino Bezerra, um crente com nojo desse pessoal. Indignado até o fio dos poucos cabelos!