Pesquisar

segunda-feira, 22 de julho de 2013

Reforma Apostólica - Exterior 24


A série Apóstolos do século XXI foi iniciada em 4 de março de 2010. No fim de março de 2012 começamos a ampliação dos artigos.
Se quiser entender o por quê deste novo tempo no Projeto História Apostólica, de Atos dos Apóstolos do século XXI, leia Expansão da série apostólica.

Neste artigo conheceremos Tom Jones, do Life Givers International Ministries, Rolland e Heide Baker, do Iris Global, Bill Johnson, da Bethel Church, John e Carol Arnott, do Catch The Fire World, Georgian e Winnie Banov, da Global Celebration. Rolland e Heide, Bill, John e Carol, Georgian e Winnie, são membros da Revival Aliance, com Ché Ahn, e Randy Clark.



Reforma Apostólica
Apóstolos do século XXI – Exterior 24

Leia nosso aviso sobre as séries apostólicas...


Tom Jones – Diretor Executivo da Apostolic Network Global Awakening (ANGA), presidida pelo Apóstolo Randy Clark. No Brasil a rede está presente como RAGAI (Rede Apostólica Global Awakening Internacional), dirigida pelo Pr. Ed Rocha.
Casado há quase quarenta anos com a Pastora Brenda Jones, tem dois filhos (Christina Kile e Brian), e dois netos. São fundadores e diretores da Life Givers International Ministries e do Healing Prayer Center em Cleveland/Tennessee. Life Givers leva assistência médica, serve à liderança da igreja, oferece treinamento missionário, ajuda humanitária, justiça social e assistência a construções.
Tom é BA em Ministério Pastoral na Lee University, e possui Mestrado em Liderança Organizacional pela Regent University e Doutorado em Ministério no United Theological Seminary. É bispo ordenado pela Church of God de Cleveland. Brenda é formada em Enfermagem pela University of South Florida, Mestrado em Enfermagem pela The University of Florida em Gainsville e PhD em Saúde Pública, com especialização em Epidemiologia, através da Walden University. É ministra ordenada pela ANGA. Foram pastores da Church of the Harvest em Clearwater/Flórida por sete anos, e da Suncoast Worship Center em Englewood/Flórida de 1995 a 2005.
Tom foi tocado por uma conferência de John Wimber na década de 80, e pelos avivamentos de Toronto e de Brownsville. Conheceu Randy Clark em 1999, e no ano seguinte começou a viajar ministrando com ele. Em 2005, quando obedece ao chamado e deixa o pastorado de sua igreja local, é convidado por Randy a fazer parte da liderança da Global Awakening. Com mais de quarenta anos como educador, plantador de igrejas e pastor, Tom tornou-se diretor executivo da ANGA, e conferencista internacional. Brenda serviu em diversos ministérios nas igrejas que pastorearam, como líder de louvor, professora, oração e intercessão, conselheira, líder de mulheres e ministério infantil. Durante o pastorado na Suncoast Worship Center, Brenda estabeleceu o Suncoast Healing Rooms and Christian Health Ministries.
Dr. Tom é Deão do Wagner Leadership Institute – Global Awakening em Mechanicsburg/Pensilvânia, do qual Randy Clark é o Chanceler. Já esteve várias vezes no Brasil, ministrando com a Global Awakening.
Life Givers: 3968 Willow Bend Trail NW - Cleveland, TN 37312
Global Awakening: 1451 Clark Street - Mechanicsburg, PA 17055
Site: http://www.lifegivers.org/
http://globalawakening.com/
Página: http://www.facebook.com/TomJonesMinistry

Rolland Baker e Heidi Baker (29/08/1959) – Fundadores e Presidentes do Iris Global, anteriormente Iris Ministries, fundado em 1980 nos EUA, e atualmente sediado em Pemba/Moçambique.
Terceira geração de missionários, Rolland nasceu na China (seu avô, H. A. Baker, autor de Visões além do véu foi missionário na nação) e foi criado na China, Hong Kong e Taiwan. Heidi foi salva através de um evangelista navajo; alguns meses depois, com dezesseis anos, quando vivia em uma reserva indígena no Mississípi como uma estudante, teve uma visão de Jesus lhe falando por várias horas e a chamando ao campo missionário. Quando voltou para casa em Laguna Beach/Califórnia, começou a ministrar e liderar equipes de missões de curto prazo. Rolland e Heidi se conheceram em 1979, e se casaram seis meses depois, em 1980, ao perceberem que tinham o mesmo desejo radical de ver reavivamento entre os pobres e esquecidos do mundo. Viajaram para o campo missionário duas semanas depois do casamento. Foram ordenados ministros em 1985, após completarem o BA e o Mestrado pela Vanguard University, no sudeste da Califórnia. Rolland se formou em Estudos Bíblicos e Heidi em Liderança da Igreja. São pais de Crystalyn e Elisha.
Nos anos seguintes, lideraram equipes em viagens de evangelismo de curto prazo para as Filipinas, Taiwan, Indonésia e Hong Kong, apresentando o Evangelho de forma criativa. Em 1985, se mudaram para Indonésia, e começaram a trabalhar com os pobres nas favelas do centro de Jacarta, e entre os esquecidos nas ruas e idosos no centro de Kowloon/Hong Kong, a área urbana mais populosa do mundo. Em 1992 foram para Londres fazer o PhD em Teologia Sistemática no King’s College, da University of London. Continuaram a ajudar os pobres e plantaram uma igreja, Believer's Centre, para os sem-teto do centro de Londres, acompanhados por estudantes, advogados, empresários e amigos de vários países. Ansiando pelo cumprimento do chamado para a África, em 1995, iniciaram um novo ministério para os pobres e crianças abandonadas em Moçambique, à época o país mais pobre do mundo.
Começando com nada, após alguns meses receberam como doação um orfanato dilapidado em Chihango, em Maputo, com oitenta crianças. Essas crianças foram salvas e cheias do Espírito Santo, e Jesus provia milagrosamente, enquanto oravam dia e noite por sua alimentação diária. Trouxeram equipes, melhoraram o centro, e levaram as crianças para as ruas para testemunhar a outras órfãs e abandonadas. Muitas tinham visões e eram levadas ao céu. Uma igreja foi plantada e muitos da comunidade também foram alcançados. Papa Rolland e Mama Aida sofreram perseguição de burocratas, policiais corruptos, ladrões e feiticeiros. Ao alcançarem 320 crianças, o governo expulsou a família Baker, negando permissão para orar e adorar na propriedade. Saíram do estabelecimento, sem nada, mas suas crianças os acompanharam para sua pequena casa alugada. Apesar da situação precária, milagres aconteceram (inclusive multiplicação de alimentos), e terrenos foram doados em uma cidade próxima, Machava, onde iniciaram um novo trabalho. Um novo espaço foi comprado em Zimpeto, na periferia de Maputo, perto do maior lixão da cidade, onde muitos milagres do Iris aconteceram.
Heidi estava doente, e ambos estavam cansados e esgotados, quando em 1996 entraram em contato com o Avivamento de Toronto e foram profundamente tocados. Com um crescimento explosivo na década de 1990 e 2000, mais e mais crianças encontraram uma casa em Iris, mais multidões vieram para o Senhor, e pessoas pediam formação pastoral ao ministério. Conferências que foram solicitadas atraíam milhares de pessoas; milhares de novas igrejas surgiram, e outras antigas filiaram-se a Iris. Rolland e Heidi foram convidados a falar em diversas nações. Voluntários estrangeiros vieram em grande número. Com as inundações catastróficas em 2000 e em 2001, sua rede de longo alcance de igrejas rurais trabalhou extensivamente nos campos de refugiados temporários, alimentando milhares além de seus números habituais. Com a fome espiritual, um grande derramamento do Espírito Santo caiu sobre eles. E apesar da atenção internacional afastar-se rapidamente, o ministério ficou com muitos mais para cuidar, física e espiritualmente. Em 2004, com o desenvolvimento do trabalho em Zimpeto, Rolland e Heidi deixaram a obra nas mãos de um casal australiano, e mudaram-se permanentemente para Pemba, que antes cercada de grupos tribais não alcançados, hoje vê esses não-alcançados rapidamente diminuindo, pois quase todo esforço em uma aldeia resulta em uma nova igreja.
Presente em todas as províncias e nas principais cidades de Moçambique, o ministério está empenhado em oferecer um lar para cada criança órfã da nação, sem exceção. Alimentam mais de dez mil crianças por dia, além de vários membros de muitas outras comunidades, incluindo atualmente quatro mil famílias em Malawi. Sua rede de igrejas inclui cinco mil igrejas em Moçambique, sendo cerca de duas mil entre os antes milhões de não-alcançados Makua no norte do país, e oito mil em dezenas de nações. Iris Global opera cinco escolas bíblicas, além de três escolas primárias (entre as melhores do país) e uma escola internacional de missões em Pemba. Planejam atualmente evangelismo para as regiões costeiras mais remotas via barco (recentemente adquirido), a expansão da capacidade de transporte aéreo do ministério, o investimento em uma variedade de indústrias caseiras, e uma iniciativa especial de perfuração de poços, com uma sonda de perfuração adquirida por um financiamento generoso de várias igrejas dos EUA, para transformar a vida em aldeias desesperadamente secas em todos os lugares possíveis. Em 2010, após o terremoto no Haiti, Heidi e Rolland começaram a ONG Iris Relief, uma nova subdivisão do ministério, que envia equipes para trazer alívio físico e espiritual para aqueles que enfrentam a fome, enchentes, pragas e outros desastres naturais, bem como aqueles que experimentam a tragédia e perda devido à guerra e conflitos políticos.
Iris Global possui nove bases em Moçambique, além de República Democrática do Congo, Quênia, Madagascar, Malawi, Serra Leoa, duas na África do Sul, Sudão do Sul, Brasil (Fortaleza/CE, Acauã/PI, Rio de Janeiro/RJ, São Paulo/SP), quatro nos EUA, Camboja, Nepal, Filipinas, Israel e Oriente Médio. Sua base principal é a Vila da Alegria em Pemba. Heidi já esteve ministrando várias vezes no Brasil.
São co-autores de The Hungry Always Get Fed, Expecting Miracles: True Storis of Gods Supernatural Power and How You Can Experience It, e Sempre haverá o suficiente. Estão intimamente ligados à Bethel Church de Redding/Califórnia, à rede de igrejas Partners in Harvest, e são membros da Revival Alliance, com Che e Sue Ahn, Randy e DeAnne Clark, Bill e Beni Johnson, Georgian e Winnie Banov e John e Carol Arnott. Dra. Heidi também é um dos conselheiros apostólicos da Women In Ministry Network (WIMN), liderada por Patricia King.
Veja uma foto de Heidi Baker em Fotos Apostólicas 4.
Iris Global: 933 College View Dr - Redding, CA 9600
Ministerio Arco Iris: CP #275 - Pemba, Cabo Delgado - Mozambique
Site: http://www.irisglobal.org/
http://irisbrasil.org/pt-br/
http://revivalalliance.com/
Twitter: @rollandbaker
http://twitter.com/Iris_Global
Página: http://www.facebook.com/DrHeidiBaker/
http://www.facebook.com/IrisGlobalOrg/

Bill Johnson (01/01/1951) – Líder Sênior da Bethel Church em Redding/Califórnia, com assistência semanal de mais de três mil pessoas. Iniciada em 1952, com um encontro de várias famílias em uma casa, em 1954 tornou-se uma congregação das Assemblies of God. Em janeiro de 2006, a membresia da Bethel Church votou pela desfiliação das Assemblies of God.
Casado com a Pastora Brenda (Beni) Johnson, tem três filhos (Pr. Eric, atual pastor sênior da Bethel, Pr. Brian e Leah). Bill, quinta geração de pastores, e Brenda serviram como pastores debaixo da liderança de Melvin Earl Johnson, pai de Bill, que presidiu a Bethel Church entre 1968-1982. Em 1979 tornaram-se pastores seniores da Mountain Chapel em Weaverville/Califórnia, pastoreando-a até 1996. Em 1987, Bill participou de uma conferência onde conheceu John Wimber, e em 1995 visitou a igreja do Avivamento de Toronto. Em fevereiro de 1996, foram convidados a se tornarem pastores seniores da Bethel. Beni, com um chamado para intercessão, tem a seu encargo a Bethel’s Prayer House, equipes de ministério e intercessores. São membros da Revival Alliance, com Che e Sue Ahn, Randy e DeAnne Clark, Rolland e Heide Baker, Georgian e Winnie Banov e John e Carol Arnott.
A Bethel Church mantém a: Bethel School of Supernatural Ministry (BSSM), fundada em 1998; Bethel Christian School; Global Connection Language Institute, para aprendizado de novas línguas ou treinamento para ensino de línguas; Leadership Development Program, curso à distância de um ano; Bethel Global Response, treinando equipes para agir em desastres nacionais e internacionais; Bethel SOZO International, cura e libertação; Betehl Healing Rooms, afiliada da International Association of Healing Rooms; Nothing Hidden Ministries, para casamentos e solteiros; Heaven in Business, para o mercado de trabalho. Ainda sustenta missionários em vários países. A partir do ministério de louvor local da igreja, em 2009 nasceu a Bethel Music, com gravadora, editora, eventos e a treinamento online com a WorshipU. O ministério Jesus Culture, teve seu início como um grupo de louvor na Bethel Church. Em 2012 a família Bethel Church se reuniu para traçar planos para os próximos dez anos, concebendo a construção de um Centro de Recursos Apostólicos, e para isso lançou a Vision 2022.
Bill é o líder da Global Legacy (GL), uma rede apostólica de igrejas dedicadas a um avivamento global multigeracional. Também está envolvido com a Northern California Revival Fellowship, um grupo de pastores em busca de avivamento. É professor no Wagner Leadership Institute e membro do Conselho Global do Empowered21, copresidido por Dr. Billy Wilson (Oral Roberts University) e Dr. George Wood (Assemblies of God USA). É um dos conselheiros apostólicos da Women In Ministry Network (WIMN), liderada por Patricia King.
Bill é autor de vários livros, como Face a Face com Deus, Quando o Céu invade a Terra, O Poder Sobrenatural de uma Mente Transformada, A Liberação do Sobrenatural e Café Espiritual. Beni é autora de Happy Intercessor.
Veja uma foto do Ap. Bill Johnson em Fotos Apostólicas 4.
Bethel: 933 College View Drive Redding, CA 96003
Site: www.ibethel.org/
www.bjm.org/
http://bethelredding.com/
www.benij.org/
www.globallegacy.com/
https://bethelmusic.com/
http://revivalalliance.com/
Twitter: @billjohnsonBJM
@prayfor5
@bethelredding
@igloballegacy
Página: www.facebook.com/BillJohnsonMinistries
http://www.facebook.com/bethel.church.redding
http://www.facebook.com/igloballegacy
http://www.facebook.com/bethelmusic/

John Arnott e Carol Arnott – Fundadores da Catch The Fire World, uma rede internacional de igrejas e ministérios surgida em 1994. Catch The Fire World é o braço internacional de seu ministério, responsável pela plantação de igrejas e ministérios, conferências, escolas e centros de oração. Pastores Fundadores da Catch The Fire Toronto. Supervisores das redes de igrejas Partners in Harvest (PiH, Parceiros na Colheita), iniciada em 1996, e Friends in Harvest (FiH, Amigos na Colheita), com mais de quinhentas igrejas em mais de cinquenta nações.
Têm quatro filhos, cinco netos e um bisneto. John se converteu ainda adolescente numa cruzada de Billy Graham em 1955 no Canadá, e filiou-se a uma igreja batista. Cursou o Ontario Bible College (agora Tyndale College) na década de 60 e teve uma carreira de sucesso nos negócios. Em 1980, em viagem para a Indonésia, John e Carol atenderam o chamado para o ministério de tempo integral. Retornando para casa, fundaram a Jubilee Christian Fellowship em Stratford/Ontário, em 1981. Foram chamados para Toronto em 1987, quando iniciaram a Toronto Airport Vineyard Fellowship. Em 1992 John e Carol Arnott foram a uma conferência de Benny Hinn em Toronto, e saíram dispostos a buscar de Deus a unção que viram em Hinn. Em novembro de 1993, o casal foi à Argentina, conhecer o avivamento que estava acontecendo através do pastor assembleiano Claudio Freidzon. Freidzon orou por eles, e John recebeu a unção pela fé.
Em 1994 John tomou conhecimento de um encontro de Randy Clark, pastor da Vineyard em Saint Louis/Missouri, com o Espírito Santo, e o convidou para pregar em quatro cultos em sua igreja, começando em 20 de janeiro. Mas o inesperado aconteceu para cerca de 120 pessoas reunidas ali, tornando-se um reavivamento mundial que impactou milhões de pessoas. Os cultos noturnos de renovação continuaram ininterruptamente (exceto as segundas-feiras) até outubro de 2000. Milhares de pessoas de todo o planeta foram conhecer o que estava acontecendo em Toronto e levaram o mesmo fogo aos seus países. Milhares de igrejas foram influenciadas pela Benção de Toronto (termo criado pela imprensa inglesa para se referir ao que aconteceu a uma igreja anglicana em Londres, levada por uma esposa de pastor que visitou a igreja de Toronto). Esse termo é o mais usado, mas os integrantes do movimento preferem Benção do Pai. Para eles o que aconteceu em Toronto é o maior avivamento da última metade do século XX.
John Wimber, o líder da Vineyard, veio dos Estados Unidos a Toronto verificar in loco o que estava acontecendo. E voltou dizendo que o que estava ocorrendo lá era obra de Deus. Em 1995, um novo fenômeno começou a se repetir nas reuniões, que provocou o desligamento da igreja de Arnott da Vineyard: profecias através de sons de animais emitidos por cristãos. A liderança da igreja entendeu aquilo como sendo um sinal do Espírito, mas John Wimber não se deixou persuadir, e ao fim de 1995 foram desligados da Vineyard. Após isso tornaram-se a Toronto Airport Christian Fellowship (TACF), atual Catch The Fire Toronto, igreja em dez localidades e cerca de dois mil membros.
O Catch the Fire apoia pessoas e organizações envolvidas em missões em diversos países, inclusive em alguns onde o Cristianismo é perseguido, com finanças, orações e projetos práticos. Em 2009-2010 o ministério foi parceiro de missionários e organizações que trabalham com os pobres, as viúvas e os órfãos em países como Moçambique, onde trabalharam com o Iris Global para apoiar os órfãos e plantação de igrejas em todo o país. Também enviaram uma equipe para uma viagem missionária de duas semanas. Em Uganda apoiam orfanatos Watoto e no Haiti tem parceria com a World Vision para ajudar vítimas do terremoto. E as equipes Catch the Fire tem ministrado em diversos países, como no Brasil. O ministério mantém a International Leaders School of Ministry (ILSOM), que também tem trabalhado no Nepal, Islândia, Etiópia e no Brasil. Além de Toronto, as igrejas Catch the Fire estão em Melbourne, Sydney/Australia, Calgary, Halifax, Moncton, Montreal, Newmarket, Ottawa, Scarborough, Winnipeg/Canadá, Medellin/Colômbia,
Dallas Fort Worth, Greensboro, Houston, Raleigh/EUA, Lyon/França, Reykjavik/Islândia, Auckland/Nova Zelândia, Oslo/Noruega, Bournemouth, Londres/Reino Unido, Novo Hamburgo/RS (com grupos familiares também em Sapiranga, Araricá, Campo Bom e Portão), e Piracicaba/SP.
São membros da Revival Alliance, com Che e Sue Ann, Randy e DeAnne Clark, Bill e Beni Johnson, Rolland e Heide Baker e Georgian e Winnie Banov. John é autor de vários livros, como A Importância do Perdão, Fé Revolucionária, entre outros, e editor geral da revista Spread the Fire.
Em janeiro de 2006, após John completar 65 anos, escolheram Steve e Sandra Long como líderes seniores da igreja em Toronto, permanecendo como pastores fundadores. Em 2015, John e Carol entregaram a liderança do Catch The Fire World para Duncan e Kate Smith, e apontaram Steve Long para presidente do Conselho do Catch The Fire Toronto, além de líder da igreja.
Endereço Sede: 272 Attwell Drive, Toronto/Ontário, M9W 6M3, CANADA
John & Carol Arnott Ministries: 268 Attwell Drive, Toronto, ON, M9W 6M3, CANADA
Catch the Fire Brasil: Avenida Nações Unidas, nº 3253 – Ideal – Novo Hamburgo/RS
Rua Morais Barros, nº 555 Centro - Piracicaba/SP
Site: http://www.johnandcarol.org/
http://www.catchthefire.com/
http://www.ctfnovohamburgo.com/
http://www.parceirosnacolheita.com/
Twitter: @JohnCarolArnott
Página: https://www.facebook.com/johnandcarolarnott/
https://www.facebook.com/ctftoronto/

Georgian e Winnie Banov – Fundadores e Presidentes da Global Celebration. São conhecidos como “Apóstolos da Alegria”.
Nascido na Bulgária comunista, Georgian na adolescência foi um dos fundadores da primeira banda de rock’n roll oficial do país. Escapou da Cortina de Ferro para os EUA, em 1974, e foi salvo nas ruas de Los Angeles através do Jesus People. Tornou-se líder da banda cristã Silverwind nos anos 80. Foi co-roteirista e co-produtor de famosos clássicos para crianças, que venderam milhões de cópias, foram indicados ao Grammy e ganharam Dove Awards. Georgian e Winnie conheceram-se na escola bíblica, se casaram e foram ordenados ministros. Têm uma filha. Viajam realizando reuniões e cruzadas nos EUA, África, Leste e Oeste da Europa, Filipinas, Austrália e Nova Zelândia.
Em 2001, o Senhor aumentou o foco e a atenção de seu ministério para os mais pobres dos pobres do Terceiro Mundo. Eles tem se dedicado a ajudar ex-países comunistas, os famintos no sudeste da África, os rejeitados ciganos na Europa Oriental e os pobres na América Central. Todas as suas cruzadas incluem Jesus Celebrations e Love Feasts, onde alimentam os habitantes locais com a sua comida favorita. Tem conduzido encontros de avivamento diários e realizam as Riverlution Conferences em diversos países; com o Global Praise 2000 Tour, lideram um grupo de cinquenta pessoas, entre as quais líderes de louvor e pastores de diferentes igrejas e nações, através de uma jornada profética pelo mundo, com o propósito de louvar Jesus em público nas ruas das grandes cidades de várias nações, como Jerusalém, Cairo, Roma, Londres, Hong Kong, Manila e outras. Almas foram levadas ao Senhor espontaneamente em aeroportos, aviões, ônibus e metrôs e até mesmo em lobbies de hotéis como no muçulmano Abu Dhabi, onde um grupo de vinte comunistas fez uma oração pública para receber Jesus como Senhor. Trabalhando junto a organizações cristãs individuais e humanitárias, eles tem sido fundamentais para ajudar os necessitados em diferentes crises na Bulgária. Sempre organizam algum tipo de refeição quente durante suas cruzadas evangélicas. Durante uma de suas visitas a Moçambique, planejaram alimentar mais de mil crianças órfãs com um jantar de frango frito, porém mais de duas mil pessoas apareceram para o jantar. O Senhor multiplicou o frango e todas as pessoas foram alimentadas. Global Celebration também tem alimentado, vestido e abrigado crianças órfãs na Nicarágua e Índia, resgatando crianças-soldados de senhores da guerra e os cartéis de drogas nas Filipinas, Birmânia e México; e tem também ajudado no resgate das crianças do tráfico de seres humanos na Tailândia.
O casal Banov tem ajudado uma rede de trinta e cinco igrejas na Bulgária, muitas das quais são ciganas. Duas vezes por ano, realizam um retiro de líderes, para refrigério e incentivo aos pastores e esposas. Um de seus projetos é treinar e enviar cristãos ciganos que falam turco como missionários para plantar igrejas na Turquia muçulmana. Até o momento duas obras já foram plantadas nos bairros ciganos da Turquia. Com a queda do comunismo na Bulgária, Georgian respondeu à falta de Bíblias no país, organizando a impressão da primeira remessa oficial de quarenta mil Novos Testamentos em língua búlgara, seguido por outro envio de trinta mil Bíblias completas. Nos últimos sete anos, o casal Banov tem liderado a captação de recursos para o projeto único da Bíblia em búlgaro, bem como a criação de um dicionário completo da Concordância de Strong, para produzir um Novo Testamento Interlinear Grego-Búlgaro e outras literaturas de estudo bíblico. O ministério ainda realiza a Global Celebration School of Supernatural Ministry (GCSSM), com campus em Harrisburg/Pensilvânia e Nova York.
São membros da Revival Alliance, com Che e Sue Ahn, Randy e DeAnne Clark, Bill e Beni Johnson, Rolland e Heide Baker e John e Carol Arnott.
Veja uma foto de Georgian Banov em Fotos Apostólicas 4.
Site: http://www.globalcelebration.com/
Twitter: @GeorgianBanov
Facebook: http://www.facebook.com/famous.for.our.BliSS
http://www.facebook.com/CoCo.BLISS
Página: http://www.facebook.com/GeoandCoCo
http://www.facebook.com/pages/Global-Celebration/73087275287