Pesquisar

terça-feira, 20 de março de 2012

Expansão da Série Apostólica



Desde ano passado eu desejava expandir a série Apóstolos do século XXI (Aps.XXI), mas não tinha certeza se o deveria fazer.
Alguns amigos, como o Ap. Horácio Luz, caracterizam esse trabalho como enciclopédico, mas eu sempre senti que faltava muito para essa série ser enciclopédica; histórico (como eu também o defino), mas muito falta para refletir a história dos líderes apostólicos mencionados.


Essa expansão seria aumentar os dados sobre os apóstolos já mencionados, com maiores informações pessoais, familiares e ministeriais. Por exemplo, nunca mencionei nome de filhos, graus de estudo, quando começou seu ministério, sites, locais onde está o ministério, endereço, etc.
E isso seria (será) suprido com a expansão de Aps.XXI. Sem contar que os artigos são muito grandes. Apóstolos no Brasil 4 tem mais de 100 apóstolos! Alguns artigos, quando faço alguma edição, demoram a salvar, isso quando salvam na primeira tentativa. E ainda por serem grandes demoram a carregar, e geram problemas na indexação. Por isso, nesses novos artigos o número de apóstolos seria menor, com no máximo cinco apóstolos por post.

Mas eu não me decidia se iniciava essa expansão ou não. Por quê? Porque demandará muito tempo, muita pesquisa de sites em inglês e outros idiomas (santo Google Tradutor!), muitas perguntas (que às vezes não querem responder), refazer os artigos, parar de procurar (por um tempo) novos apóstolos para mencionar, encerrar Aps.XXI...

Mas a resposta veio. Um dia Ap. William Queiroz, um amigo do Japão, me disse algo, brincando, e eu entendi como a direção positiva para a expansão. Respondi dizendo que ia começar uma nova série e a comecei no mesmo dia... Estou com os Aps. Exterior 1 completo e parte de Aps.Exterior 2 pronto.
Eu queria ter começado a publicar a nova série em fevereiro. Porém, ficava pensando o tempo todo que devia esperar até os dois anos de Apóstolos do século XXI em abril. Não teve como começar em fevereiro... fica para abril mesmo.

Mas, não tenho nome para a nova série... Alguém me dá uma dica?

------------


{Essa provavelmente será a nova foto oficial... O que acham?]

Que eu saiba um trabalho assim não existe no planeta. Há alguns anos um blog publicou uma lista com 12 apóstolos brasileiros. Mas aquela lista era muito pequena (nem mesmo Neuza Itioka ou Valnice Milhomens eram mencionadas), e partia da premissa de que apóstolos não existem mais.
Até eu já sabia que existiam centenas de apóstolos no Brasil, mesmo sem nunca ter visto um. E comecei a entender que se o Cabeça da Igreja ainda dá pastores, mestres e evangelistas, Ele não está impedido de ainda levantar apóstolos e profetas.
Por isso comecei a relacionar apóstolos em junho de 2009, me preparando para iniciar uma série sobre eles. Originalmente, eu a tinha concebido em cinco artigos: Apóstolos na Bíblia, A Chamada Apostólica, Quem escolhe apóstolos hoje?, Apóstolos no Exterior e Apóstolos no Brasil. Peguei um caderno e comecei a preparar os artigos, depois transcrevi para o Word.
[Eu já conhecia a vários, mas a maioria dos citados fui encontrando no caminho. Pretendia relacionar apenas umas duas centenas, no máximo, apenas para se conhecer alguns. Só que fui aumentando, aumentando... até chegar em 15 do Brasil e 8 do Exterior.]
Depois foi que surgiram Organizações Apostólicas, Antecedentes Apostólicos e Nova Reforma Apostólica. Só comecei a preparar mesmo as postagens, no Blogger, algumas semanas antes do lançamento. Também estava preocupado em relação à imagem que representaria os artigos; apesar disso, fazê-la não foi tão difícil.
Apóstolos no Século XXI exigiu muito de mim. Muita leitura, muita pesquisa, muito tempo que era indisponível às vezes. Horas e horas na internet que, se contadas, engoliram muitos dias da minha vida.

Apesar do problema com a língua no caso dos apóstolos das outras nações, o problema com os do Brasil é outro: a maioria não tem site da igreja ou blog. Alguns estão no Facebook e/ou Twitter, mas muitas vezes passam meses sem usá-los. Portanto, conseguir informações é difícil.
Essa é uma das principais diferenças entre os de fora e os daqui: a maioria lá tem boas informações sobre si e o ministério; aqui a maioria disponibiliza pouquíssimos dados. Então, provavelmente você verá que os dados sobre Ché Ahn e Márcio Valadão, por exemplo, são bons, enquanto os de muitos outros são poucos.

Já coloquei todos os apóstolos que encontrei no Brasil? Não, muito pelo contrário. Muitos estão nos meus arquivos, ainda não publicados exatamente pela falta de informações. Sem contar que teve uns que eu decidi não mencionar...

Pra terminar, vou logo avisando uma coisa: tudo o que eu coloco é verdade. Não estou inventando... Tem certos dados ‘constrangedores’ sobre alguns apóstolos que eu menciono, e muitos ficam com raiva de mim. Mas eu não tenho culpa. Reconheço que todos são homens, passíveis de falhas; que apóstolos não são super-homens, mas lutam contra o pecado como os demais cristãos... Mas se a Bíblia fala dos pecados de homens de Deus, não para envergonhá-los, mas para mostrar o poder da graça, não posso me fazer de cego para esses dados.
Portanto, desde já peço desculpas, mas se quero ter um trabalho histórico e enciclopédico, um Atos dos Apóstolos do século XXI, preciso ser fiel aos dados, ser verídico. [Rony Chaves profetizou que muitos falsos apóstolos se levantarão com poder em 2012, Ano do Governo de Deus; e recomendo ver o artigo “O que é um apóstolo”, de C. Peter Wagner, a ser publicado em breve.]

----

Pois é, não sei se tenho algo mais pra falar... Se tiver, depois edito...

-----

Antes de começar a série ampliada, publicarei O que é um apóstolo, como já disse, Apóstolos no Brasil 15, e uma página de "apoio", na verdade um Endosso Apostólico para as séries. Amigos escreveram algumas belas e honrosas palavras recomendando este trabalho, e à eles agradeço...

Agradeço também a todos os que estão conosco nestes quase quatro anos de blog e dois anos de Aps.XXI... Muito obrigado, Deus os abençoe!

[P.S. 1: Houston, temos um problema! Ainda esse mês o único provedor de internet de Canutama, a Querubim Net, será fechado. Há boatos de que a Velox chegará aqui... sabe Deus quando! Por isso, é provável que eu passe alguns dias sem atualizar o blog... Deus queira que eu possa publicar ao menos dois artigos da série ampliada antes disso.
P.S. 2: Não esqueça de curtir a página do ministério no Facebook e me seguir no Twitter.