Pesquisar

sexta-feira, 29 de junho de 2012

Reforma Apostólica - Brasil 6


A série Apóstolos do século XXI foi iniciada em 4 de março de 2010. No fim de março de 2012 começamos a ampliação dos artigos.

Se quiser entender o por quê deste novo tempo no Projeto História Apostólica, de Atos dos Apóstolos do século XXI, leia Expansão da série apostólica.

Neste artigo conheceremos os apóstolos Túlio Barros Ferreira, Apóstolo da Assembléia de Deus de São Cristóvão, Geziel Nunes Gomes, Apóstolo da União das Igrejas Missionárias Canaã, Ivan Pitzer de Souza, Apóstolo da Primeira Igreja Batista do Brasil, Hélio Brum, Apóstolo da Comunidade Evangélica de Honório Gurgel. Quatro ministros do Evangelho com uma história de destaque no Brasil e outras nações.


Reforma Apostólica
Apóstolos do século XXI - Brasil 6

Leia nosso aviso sobre as séries apostólicas...

Túlio Barros Ferreira (11/10/1921; Manaus/AM – 10/03/2007; Rio de Janeiro/RJ) – Apóstolo da Assembleia de Deus em São Cristóvão (ADESC) no Rio de Janeiro/RJ, fundada em 1924 pelo Pr. Gunnar Vingren (cofundador da Assembleia de Deus no Brasil), igreja-mãe da ADs no estado do Rio de Janeiro e em vários estados do Sudeste e Sul. A ADESC teve o nome alterado para Assembleia de Deus Missão Apostólica da Fé (ADMAF) em 2006.
Casado com a Apóstola Eunice Lobato Ferreira, tiveram oito filhos (Marcos Túlio, Paulo Lobato, Ap. Moyses, Jeremias, Ana Eunice, Ana Lúcia, esposa de Jônatas Câmara, Samuel e Ap. Jessé Maurício), vários netos e bisnetos. Convertido em 1943, batizado em águas no mesmo ano, Túlio trabalhava no estaleiro de construção naval. Cooperou com alguns pastores na criação de uma escola de preparação de obreiros em Manaus, e já como evangelista, deixou a sociedade em uma construtora e o curso de especialização em Engenharia Agrônoma, e partiu com Eunice para servir ao Senhor em Guajará-Mirim/RO, por oito meses. Foi consagrado pastor em 15 de janeiro de 1950 pelo Pr. Alcebíades Pereira Vasconcelos em Manaus. Serviu no Acre por quatro anos e sete meses, onde iniciou a construção do primeiro templo da AD em Rio Branco, levantou congregações em Xapuri e outros lugares mais distantes, ministrou na Bolívia e fundou uma escola para preparação de obreiros. Mudou-se para o Rio de Janeiro em outubro de 1954, onde pastoreou a AD de Cabuçu, em Itaboraí (1954-57), e em seguida tornou-se gerente (atual diretor-executivo) da Casa Publicadora das Assembleias de Deus (CPAD) até 1960. Assumiu a vice-presidência da AD em São Cristóvão (ADESC), presidida por Alcebíades Vasconcelos, entre 1958/1959. Em 1960 foi para a Bolívia com Pr. Alcebíades, cumprindo a chamada missionária, trabalhando em Cochabamba. Retornou ao Brasil nos primeiros dias de 1965, e assumiu a presidência da ADESC dias depois.
Em São Cristóvão, construiu o novo templo da igreja, inaugurado em 1974; consolidou a obra missionária, enviando missionários para África, América Latina, Europa e EUA, influenciando Assembleias de Deus do país inteiro; fundou a Escola de Preparação de Obreiros (EPOE), inaugurada em 1971. Foi presidente da Convenção Evangélica das Assembleias de Deus no Estado do Rio de Janeiro (CEADER) e da Convenção Fraternal das Assembleias de Deus no Estado do Rio de Janeiro (CONFRADERJ) em vários mandatos, membro do Conselho Administrativo da CPAD por três mandatos, e quatro vezes eleito presidente da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (1966, 1975, 1977 e 1979). Representou as ADs brasileiras em diversos eventos internacionais, como o Congresso de Lausanne/Suíça em 1974, e as Conferências Mundiais Pentecostais nos EUA, Inglaterra e Coreia do Sul. Recebeu o título de Cidadão Honorário do Município do Rio de Janeiro em 1981.
Em 1993, fundou o Centro Educacional do Menor para Assistência e Reintegração (CEMEAR), em parceria com a Läkarmissionen, uma instituição evangélica sueca, para prestar assistência à crianças de rua e suas famílias. Também fez parceria com a ALFALIT (Alfabetização através da Literatura), que desde 1985, se dedica à educação de jovens e adultos. Foi presidente de ambas as instituições. Foi membro do Sindicato dos Jornalistas e da Associação Brasileira de Imprensa, diretor da União Médica Hospitalar do Estado do Rio de Janeiro e do Instituto Filantrópico Evangélico do Rio de Janeiro. Escritor, comentarista da Bíblia Bálsamo, escreveu para as revistas A Seara e O Mensageiro da Paz e foi recebido como membro da Academia Evangélica de Letras do Brasil (AELB) em 1997, como terceiro ocupante da cadeira 1.
Seguindo uma direção divina abraçou a Visão Celular, e desligou-se da CGADB. Fundou em 25 de fevereiro de 2002 a Convenção Nacional de Ministros Evangélicos Pentecostais (CONAMEP), atual Convenção Nacional de Ministros Evangélicos (CONAMEV), presidida pelo Apóstolo Jessé Maurício.
Em 8 de fevereiro de 2004, é jubilado e recebe a presidência de honra da igreja: ele e Eunice foram separados e comissionados os primeiros apóstolos das Assembleias de Deus no Brasil, pelo Bispo Frank Duprée Jr (Metro Apostolic Network). Jessé Maurício, então vice-presidente da ADESC, assumiu a presidência da igreja em 2005. Apóstolo Túlio faleceu por insuficiência renal em 10 de março de 2007, aos 85 anos, e Apóstola Eunice faleceu em 5 de agosto de 2008, em decorrência de falência múltipla de órgãos.
Veja fotos da unção apostólica dos Aps. Ferreira em Fotos Apostólicas 1 e Fotos Apostólicas 2.
Endereço Sede: Campo de São Cristóvão, nº 200 – Bairro Imperial de São Cristóvão – Rio de Janeiro/RJ CEP 20921-440
Página: http://www.facebook.com/admaf

Geziel Nunes Gomes (27/07/1940; Bacabal/MA) – Apóstolo Presidente da União das Igrejas Missionárias Canaã (UNICA). É um dos pregadores mais famosos do país, sendo até chamado de “príncipe dos pregadores”.
Casado desde 12 de dezembro de 1959 com Pastora Maura de Oliveira Gomes, tem seis filhos (Pr. Jadhiel, Ap. Joel, Ap. Geziel Filho, Pr. Jeriel, Pr. Jesimiel Moisés e Pra. Queila), dezesseis netos e uma bisneta. Formou-se em Jornalismo em 1959 e recebeu um Doutorado em Teologia pelo The Living Light Bible College and Theological Seminary, sediado em Santa Ana/Califórnia. Filho de um pastor assembleiano, Geziel recebeu o chamado ainda bem jovem, e começou a servir ainda criança na igreja em que seu pai pastoreava. Em 1958, foi para o Rio de Janeiro, e começou a trabalhar na Casa Publicadora das Assembleias de Deus (CPAD). Em 4 de maio de 1960 foi ordenado Evangelista, na época o ministro mais jovem das Assembleias de Deus. Pastoreou as Assembleias de Deus de Olaria e Rio Comprido, no Rio de Janeiro. De 1962 a 1978 foi redator do Mensageiro da Paz. Em 1964 tornou-se secretário adjunto da Mesa Diretora da Convenção Geral da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CGADB) em Curitiba e foi eleito 2º secretário da Junta Executiva de Deliberações, órgão máximo da CGADB à época. Foi reeleito 2º secretário em 1966, 1º secretário em 1968 e reeleito ao mesmo cargo nas Convenções de 1971 e 1973. Na Convenção Geral de 1973 integrou a Comissão de Missões e em 1975 foi escolhido primeiro secretário-executivo da Secretaria Nacional de Missões (SENAMI) da CGADB. Em 1977, foi reeleito e escolhido para chefiar a Redação da CPAD, ao lado do diretor-geral. Em 1979 foi eleito 1º secretário da Mesa Diretora e escolhido membro do Conselho de Doutrina. Nessa época era vice-presidente da Assembléia de Deus de São Cristóvão, presidida por Túlio Barros Ferreira. Começou a realizar cruzadas evangelísticas de curas e milagres no Brasil e exterior; desligou-se de suas atividades da CPAD em 1978, após 20 anos de trabalho, para dedicar-se integralmente à Cruzada Cristo, a Única Resposta.
Em 1979 deixou o co-pastorado da AD de São Cristóvão e suas outras atividades e mudou-se para os EUA. Colaborou na AD de Newark/New Jersey, pastoreou em Hartford e trabalhou em Fall River. Realizou campanhas evangelísticas, manteve programas de rádio e um de TV, e abriu igrejas em várias cidades. Em 16 de março de 1981 fundou o Centro de Evangelismo Continental (CEC), um projeto evangelístico com o objetivo de abrir trabalhos, dinamizar a igreja local por meio de treinamento, discipulado e incentivo para a obra missionária. O CEC tinha atuação nos EUA e Brasil.
Retornou ao Brasil para pastorear a AD da Ilha do Governador no lugar de seu pai, assumindo em 30 de abril de 1984. Continuou pregando e dando estudos bíblicos em igrejas, cruzadas evangelísticas e promovendo as atividades do CEC. Foi escolhido pelos parlamentares evangélicos para ser o pregador oficial do culto evangélico alusivo à nova Constituição brasileira, em 5 de outubro de 1988. Após deixar o pastorado da AD da Ilha do Governador em 1993, deu prosseguimento aos seminários do CEC e pastoreou a AD Madureira em Sobradinho/DF até voltar a residir nos EUA. Foi vice-presidente da AD de Boston, presidida pelo Apóstolo Ouriel de Jesus.
Pr. Geziel cofundou a Escola de Preparação de Obreiros Evangélicos (EPOE), fundou o Instituto de Treinamento para Missões Transculturais (ITMT), foi professor do Instituto Bíblico Pentecostal, presidente do Instituto Filantrópico Evangélico e membro do Comitê Lausanne de Evangelização Mundial. Autor de mais de quarenta livros, foi comentarista de doze trimestres da revista da Escola Dominical Lições Bíblicas. Recebeu os títulos de Cidadão Benemérito do Estado do Rio de Janeiro e da Cidade do Rio de Janeiro, e o título de Personalidade da Ilha do Governador 1985 do Jornal Ilha Notícias.
Em 1999, quando entregou o pastorado da AD Madureira em Sobradinho, uma congregação fundada em Recife/PE foi fechada e os membros entregue aos cuidados do Pr. Geziel. Os irmãos se reuniram durante cerca de dois anos, até organizar em 11 de maio de 2002 a Igreja Evangélica Missionária Canaã (IMC). Dr. Geziel retornou ao Brasil, seguindo uma direção do Senhor, para estabelecer-se em Recife, e pastorear a Igreja Canaã, assumindo em 1 de janeiro de 2007. Liderou a IMC até outubro de 2009, quando seguindo a vontade do Senhor, para expansão do ministério, empossa um novo pastor e segue para o estado de São Paulo. Em 6 de fevereiro de 2010, em Brasília/DF, foi fundada oficialmente a União das Igrejas Missionárias Canaã (UNICA). Atualmente as Igrejas Canaã estão estabelecidas em Pernambuco, São Paulo, Paraíba, Distrito Federal, Rio de Janeiro, Bahia, Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte, etc. Um pastor que tinha iniciado uma igreja em Indaiatuba/SP, recebe o chamado para entregar esta igreja para o comando do Pr. Geziel, que assume o pastorado da agora Igreja Canaã em Indaiatuba, onde passou a residir. Em dezembro de 2013, empossa um novo pastor para a igreja, continuando como um dos líderes.
Desde 2010 é Presidente de Honra da Convenção Nacional de Ministros Evangélicos (CONAMEV), presidida pelo Apóstolo Jessé Maurício. Também é presidente da Editora Nova Esperança, responsável pela distribuição de seus livros e DVDs.
Endereço: Rua Álvaro dos Santos, nº 1502 - Jardim São Francisco - Indaiatuba/SP
Site: http://www.gezielgomes.com/
http://www.canaasp.com/site/index.html
Página: https://www.facebook.com/geziel.gomes

Ivan Milton Pitzer de Souza (1939) – Apóstolo e Patriarca, Vice-Presidente da Primeira Igreja Batista do Brasil – Casa de Oração Mundial em Salvador/BA. Diretor-Geral do Colégio Evangélico de Salvador e da Faculdade Evangélica de Salvador (FACESA), e presidente da Sociedade de Apoio à Obra Missionária Evangélica no Brasil (SAOMEB).
Casado com a Apóstola Louraci Souza (16/10/1942), tem três filhos (Elaine, Débora e Ap. Milton Ebenezer). Foram chamados pelo Senhor em 1960, quando ingressaram no Seminário Teológico Batista do Sul. Durante esse tempo serviram em várias igrejas no estado do Rio de Janeiro, e em seguida foram pioneiros na evangelização de Brasília/DF, pastoreando a Primeira Igreja Batista de Sobradinho de 1967 a 1968. Em 1968 foram para os EUA, para se preparem para a obra missionária no New Orleans Baptist Seminary com o Mestrado e Doutorado em Teologia. Em 1970, no Alabama, inauguraram o Mobile International Seamen Center, pregando a Palavra para mais de oitenta nações em sete idiomas. Atuou como catedrático na Universidade de Móbile/Alabama, diretor do Centro Internacional Missionário, que alcançava dezenas de nações, e Diretor da Escola de Missões Mundiais da Regent University na Virgínia.
Retornaram ao Brasil em 1979, após confirmação pela Palavra, para assumir o pastorado da Primeira Igreja Batista do Brasil (PIBB) em Salvador/BA. A PIBB foi fundada em 15 de outubro de 1882 pelo missionário norte-americano William Bucky Bagby, como a primeira congregação formada por brasileiros. Anos antes, em Santa Bárbara do Oeste/SP, imigrantes dos Estados Unidos já se reuniam como igreja batista.
Fundou em 1981 o Seminário Teológico Batista da Bahia, primeiro seminário maior do estado. Com o término da reconstrução do templo, então em situação precária, celebrou o Centenário da PIBB em 1982. Também fundou a Casa da Amizade, no começo da década de 80, oferecendo cursos profissionalizantes, reforço escolar, e oficinas de trabalho. Em 1986 transferiu a igreja para a zona nobre da cidade e erigiu um novo templo, para duas mil pessoas, e um prédio em anexo para abrigar o Colégio Evangélico de Salvador, fundado em 1990, e a FACESA, fundada em 2001, e autorizada pelo MEC. Na década de 90, a PIBB aceitou a renovação espiritual e saíram da Convenção Batista Brasileira. Pastor Ivan conheceu a Visão Celular no fim de 1999, em Bogotá. Em 2000, a igreja iniciou a transição para o G12 e Ivan passou o pastorado para seu filho caçula, Milton Ebenezer, e Niara, recém-chegados dos EUA, que fundaram o Ministério Casa de Oração Mundial. A PIBB passou de setecentas pessoas, em 2000, para cinco mil em 2005, e dez mil discípulos em 2008.
Em 1990 fundou a Primeira Igreja Batista Brasileira no Sul da Flórida, atualmente pastoreada por seu genro. Em 2000 fundou o Koinonia International Ministries em Coral Springs/Flórida, no Modelo dos Doze. Recebeu o título de Cidadão Baiano em 2000. Dr. Pitzer também é formado em Medicina, e tem cursos de pós-graduação em Teologia, Psicologia e no Departamento de Educação Continuada na área de Medicina Behaviorista e Psicoterápica na Harvard Medical School, sendo membro da Harvard Medical School Postgraduate Association. É autor de vários livros, como As Marcas do Apostolado, Coração de Leão, Q.I. do Relacionamento Pessoal, Mais que Vencedores, entre outros.
Ivan e Louraci foram reconhecidos e consagrados ao ministério apostólico em 15 de outubro de 2000, na inauguração do novo templo da PIBB, sendo a proposta apresentada ao Conselho Pastoral pela Ordem dos Ministros Evangélicos do Brasil, onde serviu como presidente por dez anos. Estavam presentes a então pastora Valnice Milhomens, o Governador do Estado Cezar Borges, Pr. Nilson do Amaral Fanini, presidente da Aliança Batista Mundial, e o Rabino Mário, da Sinagoga Judaica em Salvador, que impetrou a bênção aarônica em hebraico; a benção apostólica foi feita pelos pastores e ministros presentes. Em novembro de 2008, durante o II Congresso Nacional da Visão Celular no Modelo dos Doze em Brasília/DF, o Apóstolo Renê Terra Nova reconheceu Ivan Pitzer como Patriarca de Avivamento para o Brasil e nações da Terra.
Em 2010, em viagem à Terra Santa Dr. Pitzer recebe a visão que origina o M70 (Missão dos 70), movimento de intercessão pela conquista das cidades, que toma como alicerce para o projeto a Missão dos 70, descrita em Lucas 10.
Veja fotos do Apóstolo Ivan Pitzer em Fotos Apostólicas 1, inclusive de seu reconhecimento patriarcal, Fotos Apostólicas 2 e Fotos Apostólicas 3.
COM: Avenida Antônio Carlos Magalhães, nº 3591 – Iguatemi - Salvador/BA CEP 40850-000
FACESA: Avenida Antônio Carlos Magalhães, nº 3749, 2.º andar - Pituba - Salvador/BA
Site: http://www.com12.com/
http://facesa.edu.br/
Facebook: http://www.facebook.com/ivanpitzer.desouza
http://www.facebook.com/casadeoracaomundial

Hélio Maurício Brum - Apóstolo da Comunidade Evangélica de Honório Gurgel (CEHG) no Rio de Janeiro/RJ, uma igreja metodista ortodoxa fundada na década de 80, com várias congregações no Rio de Janeiro e outras cidades.
Casado com a Apóstola Maria Terezinha Brum, entre seus filhos está o Apóstolo Samuel Brum, atual líder da Comunidade.
Hélio foi o segundo Bispo Presidente da Irmandade Metodista Ortodoxa (IMO), fundada em 31 de janeiro de 1934, presidindo-a de 1977 a 1985. Até sua morte continuou como membro da diretoria da IMO. Também era um dos membros gestores do Grupo de Pastores de Marechal Hermes, presidido pelo Apóstolo Joaquim José.
Ambos foram ungidos apóstolos pelo Apóstolo Renê Terra Nova em 21 de abril de 2007, no 8º Congresso de Resgate da Nação em Porto Seguro/BA. Em janeiro de 2009, na comemoração de sessenta anos de matrimônio, foram reconhecidos e ungidos Patriarcas de Avivamento no Modelo Familiar pelo Apóstolo Renê Terra Nova na Comunidade de Honório Gurgel.
Hélio e Terezinha faziam parte da Equipe M12 dos Apóstolos Renê e Ana Marita Terra Nova no Rio de Janeiro. Hélio partiu para o Senhor em 27 de novembro de 2009, aos 81 anos, tendo servido 59 anos como pastor.
Endereço Sede: Rua Dr. Gonçalves Lima, nº 1104 - Honório Gurgel - Rio de Janeiro/RJ
Site: http://cehg.com.br/



<< Francisco Nicolau, Hudson Teixeira, Alexandre Nunes e Dawidh Alves
>> Paulo Tércio Lopes, Paulo de Tarso Fernandes, Gláucio Coraiola e Rina